Sara Sandri é formada em fotografia pela London College of Communication, foi uma das vencedoras do Magnum Photos & Photo London Graduate Award (2016) e nomeada para o Mack First Book Awards. Vive e trabalha em Londres. Sua pesquisa artística envolve recursos naturais como argila, rochas e outros objetos orgânicos encontrados, que articulados com as novas medias estabelece uma relação com a paisagem e a origem de pertença. Usando fotografia, escultura, imagens em movimento e materiais de arquivo, o trabalho de Sara tenta encontrar um espaço próprio. Lugar e memória, uma reflexão sobre seus mecanismos e os métodos subjetivos de adaptação aos ambientes são revisitados ​​ao longo de suas obras. Ao fotografar, colecionar e confecionar com as próprias mãos, Sara procura recriar o solo perdido construindo suas próprias narrativas.